Páginas

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

"O que não tem remédio, remediado está"

Filha,

Eu gostaria de passar por aqui e registrar somente alegrias e descobertas, mas como sua mãe eu tenho a obrigação de te ensinar que uma hora os problemas virão, e que você não será a única a ter problemas, sim pequenina aproveita o tempo de criança pois o mundo dos adultos é bem complicado.

Estamos enfrentando juntas o processo da separação entre eu e você depois de tantos meses grudadinhas uma na outra, chegou o momento da separação, mas quando você começou a ficar com a vovó para a mamãe voltar ao trabalhar, você ainda não entendia muito bem o que estava acontecendo então tudo era festa, oque acontece é que agora você esta uma mocinha e apesar de não chorar fica me chamando quando começo a dar tchau, tento ser forte mas não estou conseguindo, certamente esta separação esta doendo muito mais em mim do que em você.

E como não da para acertar todas, nem tão pouco saber qual é o equilíbrio exato que uma mãe deve utilizar na educação de um filho, é com lagrimas nos olhos que digo que tivemos o nosso primeiro conflito, sim eu e você, o que aconteceu foi que conforme nossa rotina sai do serviço, te peguei na casa da vovó e o recado que recebi foi “ela ainda não jantou”, eu mamãe coruja que só, tratei logo de preparar uma jantinha esperta para você, mas você simplesmente não comeu, não adiantou fazer aviãozinho, não adiantou cantar musiquinhas sobre comidinhas, não adiantou deixar você enfiar a mãe e o pé no prato que simplesmente você não quis comer. Isto não teria importância alguma se (você realmente fosse uma criança difícil para comer, se você não estivesse habituada a jantar ou se esta não fosse a sua jantinha preferida) o que acontece aos olhos da mamãe é que você se acostumou que (em casa tem papinha da Nestle, que a sua primeira recusa para a jantinha papai corre e te faz uma mamadeira) ou na pior das hipóteses é que em casa pode (comer batatinha frita, tomar açaí, ou comer qualquer outra porcaria coisa). Foi ai que tudo começou, mamãe decidida a torcer o pepino desde o principio, te coloquei no chão e fui tratar de limpar a mesa e o chão, mas você passado 2 minuto decidiu que queria colo e como a mamãe estava sozinha, não te peguei, e continuei a limpar a sujeirada que você fez enquanto não comia, e mais uma vez me surpreendi com o quanto estamos te educando mal, bastou que você quis colo e não tinha ninguém la para te pegar e pronto, a principio você fez uma birra imensa, e eu continuei a limpar o chão, MAS foi então que sua birra virou um choro sentido, de um bebê que passou o dia longe da mamãe e pior bem pior você começou a engatinhar atras da mamãe para lá e para cá e foi ai que vieram os soluços e pronto, foi ai que eu descobri o pq a SuperNany precisa visitar algumas casas, pq eu me senti tão mal, tão culpada, com uma dor tão forte no peito que já não sei mais se sou capaz de te dizer mais algum não na vida. VOCÊ ME PERDOA?

Paralelamente a tudo isso, as coisas também não vão nada bem entre a mamãe e o papai, talvez quando você ler estas palavras agente nem esteja mais juntos, ele brincou que estamos passando pela crise dos 7 anos de casados, eu sinceramente não sei o que esta acontecendo, mas quero de todo o meu coração que você entenda que a mamãe esta lutando pela união da nossa família e que no que depender da mamãe esta família só vai crescer e nunca diminuir. VOCÊ E O PAPAI É O QUE A MAMÃE TEM DE MAIS VALIOSO NESTA VIDA!

E se já não bastasse tamanha tristeza que a mamãe carrega no peito a volta as aulas estão se aproximando e a mamãe além de passar o dia longe de você, passará também a se ausentar durante parte da noite, a mamãe pede força ao Papai do Céu, pq Ele tudo sabe e Ele tudo pode.

Esta foto que a mamãe esta colocando aqui mais em baixo, é a mesma foto que esta na Área de trabalho do computador aqui do meu serviço, e a mamãe passa o tempo todo te admirando, e principalmente agradecendo a Deus pela Graça que é ser mãe, ser SUA MÃE!



9 comentários:

vanice disse...

Sua Isabela é messssmo BELA;Muito fofa.
Amigona...Primeira coisa: Você está associando a birrinha,chorinho,ficar atras de vc,com FALTA de vc? Se for,tudo bem pode até ser,mais não fique se culpando,sofrendo assim...Eu não trabalho fora,fico o dia todo que Deus deu e mais um pouco em casa,tenho uma ajudante e tal,mais faço ua coisa ela faz outra...Cuido um pouco do Théo,depois ela cuida,e assim vamos seguindo...Daí,que menino Théo,sente minha falta,sim,quando eu quero me enfiar no meu quarto e ficar um pouquinho sossegada,ou vou na rua resolver coisas de banco,escola,ou andar à toa,o menino chora,se joga pra trás,grita,e as vezes não quer comer comigo ,ou só comigo; Coisas de bbs.Com calma ,tudo se ajeita.
Segunda coisa:Derrepente ela está sentindo algum climinha entre vc e seu maridex,e aí as crianças,que não são bobas e percebem sim,tudo a sua volta;Pode estar se sentindo afetada.
Terceira coisa: Você escreveu em destaque com letras grandes que sua familia,a pequena e seu MARIDEX,são preciosodades pra vc;Então amigona,veja onde e com quem está o erro...O que tem faltado,e até o que tem sobrado...sim ,as vezes sobram reclamações,cobranças;E falta,carinho,atenção,troca de olhares,cumplicidade.
Passei pela tal crise dos sete,aos seis anos de casada...JESUS!Não foi facil,chorei,passei por momentos ruins e sozinha,não me abri com ninguém..Uma amiga de infância que mora longe,era meu refúgio no msn,não entrava em detalhes,e era com ela que eu chorava...ela também estav passando por momentos ruins com o marido,e choravamos ,conversavamos....E com muita oração,Tudo se resolveu,passou....Não foi bom,não foi fácil,doeu,mais vencemos.E completo agora em março,10 anos de casada,com o primeiro namorado.
Lute,reveja seus valores,acerte os erros,converse,e VENÇA! dEUS É COM VCS.
MIL BEIJOS E CHEIRINHO NA Isa.

Mamãe pela 2ª vez disse...

O amiga concordo com tudo que Vanice disse.
Vou ficar aqui torcendo e orando por vcs, meu casamento passou tribulações tbm, mais Deus é mais.
Lembre-se, a mulher sabia edifica sua casa...
bjus

Kariny - Mamãe Cristã disse...

amada, confie em Deus!! como já disseram aqui 'A MULHER SÁBIA EDIFICA SEU LAR'. criança faz birra mesmo, amada, não fica se sentindo culpada, a Kamila aqui tem hora que é um sufoco mesmo, e na correria do dia-a-dia nem sempre podemos dar a atenção que eles querem, mas isso eles vão ter que entender com o tempo, faz parte.. e quanto ao marido, LUTE, não desista, peça sabedoria a Deus, pois para Ele nada, NADA, é impossível. eu e meu marido éramos um 'CASO PERDIDO' aos olhos dos homens, chegávamos a quebrar tudo dentro de casa, nos separamos várias vezes, mas Deus restaurou tudo. essa semana ainda tivemos um probleminha mas Deus já resolveu... querida, 'ENTREGA TEU CAMINHO AO SENHOR, CONFIA NELE, E ELE TUDO FARÁ!'!!! beijos minha amada, espero que no proximo post estejas melhor...

Minha Filha Minha Vida disse...

Obrigada de coração meninas pelos comentarios cheio de conselhos valiosissimos, eles servem de apoio e nos ajudam a continuar lutando ....

Beijos meninas ... ah e beijos nos teus filhotes tb

Valéria Alencar disse...

que linda isabela...
nossa, vc entrou no meu blog faz um tempão, mas eu quase nunca tenho tempo...
claro que pode seguir.
bjos
valéria

Felicidade disse...

Oh flor, eu sei como é duro as brigas no relacionamento, e espero de todo coração que tudo se ajeite, e que vocês se entendam logo, porque tudo é fase, tudo passa...
E quanto a bebela, minha filha não nasceu ainda mas já tenho na minha cabeça que os filhos tem que entender quando a mamae está ocupada por isso não se sinta culpada por nada, tenho certeza que você é uma OTIMA mãe ...

Beijooos

Kariny - Mamãe Cristã disse...

que bom que gostou do conselho, estamos aqui pra ajudar amada... ja to te seguindo ok bjsss

Bianca disse...

Querida,

Primeiramente, quero dizer que realmente, quando eles são maiores, largar a mamãe e o papai pra ir trabalhar é mais difícil. QUando começa com meses, assim como a Ju é mais fácil.

Mas é uma fase. Daqui a pouco ela vai pra escolinha, conhecer novas crianças e brincar com elas ajuda muito.... Isso vai passar e ela vai entender o seu amor por ela.

Jamais se esqueça que você é a mãe dela e tem que ter o controle da situaãção. Vai passar, é uma fase dura, dói. Mas passa.

A outra, com seu marido, eu espero que passe logo, que tudo se resolva e a harmonia reine absolutamente na sua casa.

PS.: O selinho eu coloco no meu próximo post - o de hoje merecia uma foto nossa.....

Beijos

Meu mundo de Sophia disse...

Oi,Sii!!
Que coisa mais fofa a Isabela!!! Estou apaixonada!
Eu sou a Ju, mãe da Sophia... obrigada pelo comentário lá no blog.. e por nos seguir!
Posso dar um palpite também? Nossos filhos são o nosso espelho.. o reflexo daquilo que somos e sentimos e se vc não está bem, é natural que ela sinta isso e transmita de alguma maneira. Mas isso não significa que vc esteja errando em alguma coisa ou pior, seja culpada de alguma coisa. Muito menos que vc deve se privar de se sentir triste com o problema que está passando no casamento para não afetá-la.
Pelo contrário, querida, é dela que vc vai tirar a sua força para passar por tudo isso. Acredite, posso falar disso com maestria!
E essa fase da separação entre mães e filhos é mesmo difícil, mas eles passam por isso melhor do que nós. Fiquei 7 meses em casa depois que a Sophia nasceu. E também fazia faculdade a noite.. no primeiro dia de trabalho, ela simplesmente me virou a cara! Ria para todos, brincava com todos, menos comigo. Saí para trabalhar aos prantos, chorava escondida no banheiro durante o dia. Mas ela se refez muito antes de mim... passei mais 2 anos na faculdade e chorava quase todos os dias de saudade dela. Ela resolveu a situação de maneira mais simples: passou a dormir tarde para me esperar chegar em casa, acredita? Isso ainda atrapalha a nossa rotina e outro dia levamos uma bronca da médica por causa disso.. mas pelo menos, matamos um pouco a saudade que sentíamos uma da outra!
Não se culpe tanto, querida... isso é só uma fase ruim e vai passar. Ela vai ajudá-los a passar por isso.. acredite!
Fiquem com Deus... e que o sorriso os acompanhe sempre!
Mamãe Ju.