Páginas

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Como estou me sentindo ?

Princesa hoje esta sendo o terceiro dia de adaptação, e até então eu ainda não sabia exatamente o que eu estava sentindo até ler lá no bloguinho http://bebedaleana.blogspot.com/, a Lê é uma amiga muito querida e mamãe da Gii que também esta em adaptação na escolinha, AMIGA OBRIGADA POR PARTILHAR ....

Primeiro dia de escola
Aqui estamos nós, nunca se esqueça de mim para qualquer coisa que você precisar. Estou no telefone, se precisar é só ligar. O tempo corre, eu sei que você já está pronta, minha princesa.

Filha, você saiu de casa hoje . E eu vi você indo embora, eu estava à porta lembrando de algum tempo atrás. Você está alegremente a correr no quintal. Entro em casa mas parece que tudo já está diferente, o silêncio desolador me pegou desprevenido.

E eu ainda vejo você no seu primeiro dia de escola com a sua mochila nas costas, com sapatos novos para enfrentar o mundo.
 
Você caminhou tão orgulhosa através daquela porta de aço, mas quando eu não podia ficar mais, você me olhou e não me deixou ir.

Agora estou aqui, é tão difícil deixar você ir.

Eu ainda ouço os ecos dos seus pézinhos no chão.

Sozinha estou atrás da cadeira, onde compartilhamos muitos momentos esses anos mas vejo que em tantas coisas você amadureceu e superou.

E eu ainda vejo você no seu primeiro dia de escola com sua mochila nas costas, com sapatos novos para enfrentar o mundo.

Você caminhou tão orgulhosa pelas portas da escola, quando eu não podia ficar mais, você me olhou e não deixou eu ir.

Você precisou de mim para amarrar o seus cadarços, afugentar o medo e te envolver quando você chorou. 

Quem será... que estará lá para protegê-la... deste mundo que pode ser tão cruel ... será que haverá alguém para saber o que diz o brilho dos seus olhos.

E eu ainda vejo você no seu primeiro dia de escola, com sua mochila nas costas, com sapatos novos para enfrentar o mundo.....

First Day Of School - by Vince Dixon
tradução e adaptação: By Juliana Fonseca

13 comentários:

Mamãe da Julia disse...

Essa fase de escolinha por um lado deve ser ruim, agente sente um vazio no peito, mas eles tão lá brincando se divertindo e agente aqui sofrendo rs.
Boa sorte com essa nova adaptação!

Diário da mãe e da filha disse...

Ah querida, muito bonito o texto!! Também sofri um pouco quando a Ingrid foi pela primeira vez.

Até comentei com você que ela não queria mais voltar para casa lembra? rs.

Qualquer coisa estarei aqui, quer u abraço?

Beijos

Mirian Vieira disse...

Praticamente cortando o cordão! hehe faz bem ...

bj bj

Mãe mais feliz do mundo disse...

Ainnn Si ... vim as lágrimas com esse lindo texto, estão sensível hehe
Voltei ao túnel do tempo, há exatamente 8 anos atrás, qnd JP iniciava sua carreira de estudante *rs ele entrando na escolinha olhava para mim e dava tchau ... amava seu uniforme, o cheirinho de lanchinho na lancheira, os sapatinhos pretinhos ... como é bom tdo isso!
Um grande bj carinho minha linda
um ótimo final de semana para vcs (:

Mamãe pela 2ª vez disse...

Oi querida olha eu por aqui rs.
Menina texto lindo, quando Ubiratan foi para escola pela primeira vez eu que me decepcionei, ele nem me deu tchau, minhas amigas disseram para colocar Lívia este ano mas não tive coragem só vou colocar ano que vem.
Mas logo vc colhera frutos como, o primeiro desenho, a primeira apresentação.
bjus pras duas

Michely Avanti disse...

Ai meu Deus! Esse post é de chorar!
Eu não aceito que os filhos crescem sabe? e por mais que falt um tempão pra isso e isso é inevitável, eu sempre me pego pensando e sofrendo porque vai ser duro!
Sabe o que vai ser pior pra mim? Ser sogra!!! Cruzes....vou ser a pior delas....kkkkkk

Mas gracas a Deus isso vai demooooooooooooorar prsa acontecer.

Beijos.

Futura mãmã disse...

Eh essa fase e bem dificil...as vezs mais para os pais do que mesmo para os filhos neah msm. ks
Vai ver que vai dar certo. beijo

Aline disse...

Oi Si,eu não passei por isso,mas volta e meia me pego pensando como seria eu ter que deixar sob cuidados meu maior tesouro..dói só de pensar..agora imagino você tendo de enfrentar isso de fato.

Mas eles acabam se adptando muito bem,e querendo ir pra lá até aos finais de semana..mas pra um coração de mãe,não há lugar mais seguro e afável como ao nosso lado 24 horas...rsrsrrs

Ai eu nunk pensei q eu fosse ser assim..eu as vezes penso ser muito possessiva..

Beijos e força..faz parte da vida neh..fazer oq?!

Nuana disse...

amiga, que bom ler suas palavras...me conforta saber que não estou só...boa sorte pra vcs tb...e deus sempre conosco...bjo grande dessa família aqui

Mamãezinha disse...

Amiga. Sucesso nesta nova e necessária empreitada. É assim que crescemos juntos com elas, não?! Fácil, não é. Mas a gente dá conta do rojão. Bom fim de semana, beijos e meu carinho.

Juliana disse...

Ai amiga, esse período é tão difícil!! Mas passa!
Bebel ainda tem umas raras recaídas. De vez em quando reclama que não quer ir, ou fica chorando! A gente sofre, mas é necessário que elas aprendam a crescer, né?
Boa sorte e que essa fase passe rapidinho!
BJOS!
Juliana Almeida
www.blogdabebel.com.br

Diário da mãe e da filha disse...

Querida, tem mais um selinho para você lá o blog, rs.

Beijinhos

Laiz disse...

Texto lindo... aperta nosso coração... estamos todas no mesmo barco. As aulas do Nino começam semana que vem. Vou morrer de saudades de passar o tempo inteira grudada nele! :( Bjooooooooooooooooooooo